sábado, 11 de novembro de 2017

TOP SEVEN - Apontamento de Notícias (5 a 11 de Novembro)

ENEM COMEÇA COM 30% DE ABSTENÇÃO EM TODO BRASIL

   O primeiro dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio, no domingo (5), foi marcado pela maior taxa de abstenção dos últimos 8 anos. Dos 6,73 de candidatos inscritos para o Enem, 30,2% faltaram no primeiro dia. Entre os 273 candidatos que foram eliminados, nove tiveram equipamentos proibidos detectados pelos equipamentos de segurança, enquanto o restante, por descumprimento de regras previstas no edital. Dois grupos, um em Teresina (PI), e outro em Uruaçu (GO), não puderam concluir os exames por falta de energia nos locais de prova. O Inep, organizador do Enem, confirmou que os candidatos terão uma segunda chance em dezembro, sem prejuízos. O primeiro dia contou com as provas de Redação, Línguas e Ciências Humanas. O segundo dia de provas acontecerá no dia 12 de Novembro, com a aplicação de questões sobre matemática e ciências da natureza. 

TRUMP DEFINE MASSACRE NO TEXAS É "PROBLEMA MENTAL"

    Em entrevista coletiva realizada na segunda-feira (6), o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump afirmou que o massacre em uma igreja no Texas, ocorrida um dia antes, foi causado por "problemas mentais" e não pela posse de armas. A declaração foi feita no Japão, onde Trump realizava uma visita oficial. Ele negou que a legislação de posse de armas seja o "problema" dos massacres ocorridos no país. No domingo, o jovem Devin Kelley (Foto) invadiu a 1ª Igreja Batista de Sutherland Springs, no estado do Texas, e abriu fogo contra os frequentadores. No total, 26 pessoas morreram e outras 20 ficaram feridas. O jovem se matou durante a perseguição policial. Ele já havia sido condenado pela Justiça Militar, quando serviu as forças armadas, em 2012, por agressão. As vítimas do atentado tinham entre 5 e 72 anos, incluindo o pastor da igreja, Frank Pomeroy. 

TRIBUNAL AUMENTA PENA DE EX-TESOUREIRO DO PT

   João Vaccari Neto teve a pena de 10 anos, a qual foi sentenciado em julgamento de fevereiro, ampliada para 24 anos em novo julgamento, na terça-feira (7). A decisão foi proferida pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que também condenou outros cinco réus, entre eles, o ex-marqueteiro do Partido dos Trabalhadores, João Santana, e sua mulher, Mônica Moura. Vaccari foi condenado pelo crime de corrupção passiva no processo da operação "Lava Jato". O relator do processo no TRF4, João Pedro Gebran Neto, votou pela manutenção da condenação na primeira instância. A defesa, que já havia solicitado o pedido de liberdade, afirmou que vai recorrer da sentença. De outras ações no âmbito da "Lava Jato", Vaccari já tem quatro condenações e 2 absolvições.

GOVERNO ANUNCIA NOVO CHEFE DA POLÍCIA FEDERAL

   O delegado Fernando Segóvia (Foto) foi anunciado como novo diretor-geral da Polícia Federal na tarde da quarta-feira (8), em Brasília, através de nota enviada a imprensa, pelo Ministério da Justiça. Ele ocupará o lugar de Leandro Daiello. Ao apresentar o novo subordinado, o ministro da Justiça, Torquato Jardim, afirmou que o governo assumiria o compromisso de não haver quaisquer mudanças e interferências na operação "Lava Jato". Segóvia tem um vasto currículo em 22 anos de PF, com passagens por várias funções. Daiello teve a passagem mais longeva da PF desde a redemocratização. Estava na instituição desde 2011 e já havia expressado o interesse em deixar o cargo por se sentir cansado e por pressão familiar. Após deixar o cargo, ele se aposentará.

TEMER SANCIONA "NOVA LEI MARIA DA PENHA"

   O presidente sancionou o projeto de lei que alterou alguns pontos da "Lei Maria da Penha", na quinta-feira (9), em Brasília. Apenas um ponto, o mais polêmico, foi vetado: O que autorizaria delegados de polícia a conceder medidas protetivas às mulheres. Segundo o despacho, conceder essa premissa aos delegados seria invadir a competência do poder judiciário, responsável pela emissão das medidas. O veto do presidente a medida, considerada inconstitucional, havia sido pedido por organização de mulheres e pelo judiciário. O governo afirmou que a alteração na lei visa a melhoria no atendimento à mulher vítima de violência doméstica, dando-lhe atendimento policial especializado, ininterrupto e feito por policiais mulheres.

MÁRCIA CABRITA MORRE AOS 53 ANOS NO RJ

   A atriz morreu na madrugada da sexta-feira (10), no Hospital Quinta D'or, no Rio de Janeiro. Ela não resistiu as complicações de um câncer no ovário, descoberto em 2010. Ao longo de 7 anos, Márcia Cabrita (Foto) passou por tratamentos e teve de retirar os ovários e o útero. O velório e cremação do corpo da atriz aconteceram no sábado, no Cemitério Parque da Colina, em Pedotiba, na cidade de Niterói. Márcia começou no teatro no início dos anos 90. Sua estreia na TV aconteceu na minissérie "As Noivas de Copacabana", da Tv Globo. Na emissora também trabalhou em programas humorísticos, com destaque a "Sai de Baixo". Seu último trabalho na TV foi na novela "Novo Mundo", da qual teve de se afastar por conta da doença. A atriz deixou uma filha, Manuela, de 16 anos.

NOVAS LEIS TRABALHISTAS COMEÇAM A VALER

   A nova legislação trabalhista, sancionada pelo presidente Michel Temer em julho, começou a valer no sábado (11), em todo o Brasil. A reforma, dos mais de 100 pontos da antiga legislação, visa modernizar as relações de trabalho entre patrões e funcionários e foi alvo de discussões ao longo do tempo em que foi proposto e votado na Câmara e no Senado. Com as mudanças, os acordos entre as partes passam a se sobrepor a algumas leis já existentes. Questões como jornada de trabalho, banco de horas e férias poderão ser negociados. Já questões como seguro-desemprego, FGTS, e outros direitos não poderão ser modificados. A nova legislação tirou a obrigatoriedade do pagamento da Imposto Sindical e regulamentou o trabalho "Home Office". Segundo especialistas, as empresas deverão implementar as novas leis gradativamente. Um dia antes de começar a vigorar, as mudanças foram alvos de protesto em várias cidades do Brasil.

Fontes: Terra, Ig, G1, Estado de São Paulo, Bol, Uol,
Fotos: Devin Kelley (Extraída do site "Heavy.com"); Fernando Segóvia (Dia Sampaio / AE); Márcia Cabrita (Christian Rodrigues / Divulgação).

sábado, 4 de novembro de 2017

TOP SEVEN - Apontamento de Notícias (29 de Outubro a 4 de Novembro)

HAMILTON CONQUISTA QUARTO TÍTULO NA F1


   Restando duas corridas para encerrar a temporada 2017 da Fórmula 1, o britânico Lewis Hamilton (Foto) conquistou o tetracampeonato na categoria no domingo (29), no México. Em corrida disputada entre Max Verstappen, Sebastian Vettel e Hamilton, os dois últimos chegaram a figurar nas últimas posições após problemas na asa dianteira e um pneu furado, respectivamente. Com os problemas solucionados, Vettel e Hamilton voltaram a ganhar posições. Mesmo assim, o espanhol terminou em quarto e o britânico em nono. Com os pontos somados, Hamilton garantiu o título. O GP do México terminou com vitória de Max Verstappen (Red Bull), Valtteri Bottas (Mercedes) em segundo e Kimi Haikkonen (Ferrari) em terceiro. O próximo Grande Prêmio será no Brasil, em Interlagos, no dia 12 de novembro.

INCÊNDIO É CONTROLADO NA CHAPADA DOS VEADEIROS

   O chefe da reserva que fica na Chapada dos Veadeiros, em Goiás, Fernando Tatagiba, confirmou que o incêndio de grandes proporções que atingiu o local foi controlado na segunda-feira (30). O fogo havia começado em 10 de outubro e chegou a ser controladas, mas novos focos surgiram, sete dias depois. Cerca de 400 pessoas, entre brigadistas do Tocantins e voluntários se revezaram no combate as chamas 20 horas por dia, sob uma sensação términa de 40º C. Segundo o Instituto Chico Mendes de Conservação a Biodiversidade (ICMBio), 68 mil hectares foram atingidos pelo fogo. O parque foi reaberto no dia 1º de novembro e o Ministério Público Federal abriu inquérito para investigar as causa do incêndio. 

SENADO VOTA PEC DOS APLICATIVOS DE TRANSPORTE INDIVIDUAL

   A votação da PLC 28-2017 aconteceu na noite da terça-feira (31), em Brasília, e terminou com vitória para as empresas que operam o serviço de transporte de passageiros em carros particulares por aplicativos. O texto que regulamenta o serviço teve aprovação de 45 senadores e 10 votos contra. Como houve mudanças no texto inicial, a PLC deve retornar a Câmara dos Deputados para nova votação. Um acordo entre líderes, realizado durante reunião horas antes, garantiu a retirada dos pontos que previam o uso de placas vermelhas nos veículos e a obrigatoriedade de apenas o proprietário do veículo dirigir. Outros dois itens foram modificados: O que possibilita a prefeitura de cada cidade regulamentar o serviço e o que obriga o carro de aplicativo só rodar na cidade onde for cadastrado. As empresas como Uber, Cabif e 99 comemoraram a decisão. Houve confrontos e um administrador do Uber foi agredido.

DECLARAÇÃO DE MINISTRO DA JUSTIÇA CHEGA AO STF

   O governo do Rio de Janeiro encaminhou, na quarta-feira (1), questionamento ao Supremo Tribunal Federal sobre as acusações do ministro da Justiça, Torquato Jardim (Foto), de que o comando da Polícia Militar do estado tem acertos com o crime organizado. Ele ainda havia colocado em dúvida se o ataque que matou o comandante da PM teria sido assalto, como foi divulgado. As acusações estremeceram tanto o governado do Rio, Luis Fernando Pezão, como o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que afirmou perplexidade e pediu a apresentação de provas para a denúncia. O presidente Michel Temer não se pronunciou sobre o assunto. No mesmo dia, um garoto de 3 anos foi atingido na cabeça, enquanto brincava com o irmão dentro de casa, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. 

MINISTRA PEDE AUMENTO DE SALÁRIO E FALA EM "ESCRAVIDÃO"

   A ministra da pasta de Direitos Humanos, Luislinda Valois (PSDB), viu seu requerimento de aumento salarial divulgado pelo jornal Estado de São Paulo, na quinta-feira (2). No documento, a ministra solicitava a acumulação dos salários de ministra e de desembargadora aposentada, que juntos somam cerca de R$ 61 mil, acima do teto do funcionalismo público, que é R$ 33,7 mil. Atualmente, Valois recebe R$ 30,4 mil de aposentadoria como desembargadora do Tribunal de Justiça da Bahia e R$ 3.292 como ministra (Valor reduzido exatamente para o cumprimento do valor do teto). O trecho mais polêmico do pedido, porém, foi quando a ministra afirmou que trabalhar sem receber o vencimento devido se configura "trabalho escravo". Após a repercussão, Luislinda desistiu do pedido. que já havia sido negado pela Casa Civil. O Palácio do Planalto não se pronunciou.

EI ASSUME ATENTADO E TRUMP AMEAÇA GRUPO

   O grupo radical "Estado Islâmico" reivindicou, na sexta-feira (3), a autoria do atentado que matou 8 pessoas em Nova York, nos Estados Unidos. O ataque aconteceu três dias antes quando o uzbeque  Sayfullo Saipov (Foto), de 29 anos, invadiu uma ciclovia, dirigindo uma caminhonete em alta velocidade, e atropelou uma multidão ao longo de mais de um quilômetro. No atropelamento, 8 pessoas morreram e 20 ficaram feridas. Algumas chegaram a ter as duas pernas amputadas, devido a gravidade dos ferimentos. Segundo as primeiras investigações, o jovem planejava o ataque a mais de um ano. Apesar de assumir se tratar de um "soldado", o EI não forneceu provas suficientes para confirmar a afirmação. Em sua rede social, o presidente Donald Trump afirmou que o grupo irá pagar por cada atentado que praticou. 

STF DECIDE QUE DESRESPEITO A DIREITOS HUMANOS NÃO ZERA REDAÇÃO

   Um dia antes do início das provas do Exame Nacional do Ensino Médio, a presidente do Supremo Tribunal Federal, Carmen Lúcia, manteve a decisão de não zerar automaticamente a nota da redação dos candidatos que desrespeitarem direitos humanos. A decisão do sábado (4) vai contra o que aconteceu em 2016, quando 4.804 redações, que tiveram como tema a intolerância religiosa no Brasil, receberam nota 0 por desrespeito aos direitos humanos. Em seu despacho, a magistrada afirmou que não se pode combater a intolerância social com "mordaça" e que há meios administrativos e judiciais para questionar possíveis "exageros" nas redações. Ela também negou os pedidos de revisão, feitos pelo Inep e pela PGR, para manter a portaria do edital do Enem. A redação será aplicada no primeiro dia de provas. 

Fontes: Ig, G1, Estado de São Paulo, Folha de São Paulo, Uol.
Fotos: Lewis Hamilton (Reprodução / Twitter); Torquato Jardim (Arthur Menescal / Esp. CB / D.A Press); Sayfullo Saipov (Extraída do site "A Voz da Turquia").

sábado, 28 de outubro de 2017

TOP SEVEN - Apontamento de Notícias (22 a 28 de Outubro)

SOMÁLIA ANUNCIA PRISÃO DE ENVOLVIDOS EM ATENTADO

   A informação de que quatro suspeitos de participação no ataque que matou 358 pessoas foi dada, no domingo (22), pelo ministro de Segurança da Somália, Islow Dualle. Entre os presos, está o motorista de um dos caminhões-bomba que explodiram e uma pessoa que facilitou a entrada no veículo no local do atentado. Além dos mortos, 228 pessoas ficaram feridas, sendo 122 com gravidade, e 56 seguem desaparecidas há mais de uma semana dos ataques. Os casos mais graves foram levados para outros países, como Turquia, Quênia e Sudão, para receberem tratamentos adequados. Os presos são ligados ao Grupo "Al Shabaad", responsável pelo atentado. Reuniões entre autoridades locais estão sendo realizadas para debater ações e reformas para frear as ações do grupo jihadista, que se filiou ao grupo Al Qaeda, que controla territórios nas regiões centro e sul do país, em 2012.  

TURISTA MORRE APÓS CARRO FURAR BLITZ NO RJ

   Maria Esperança Ruiz Jimenez (Foto), de 67 anos, morreu após ser atingida por um tiro, na segunda-feira (23), na comunidade da Rocinha, no Rio de Janeiro. Ela estava acompanhada do cunhado, do irmão e do motorista de uma empresa de turismo. O motorista não viu o bloqueio da Polícia e avançou. Os policiais abriram fogo contra o carro, que parou metros adiante. Eles só se deram conta de quem estava no veículo quando fizeram a abordagem. Jimenez ainda foi levada para o Hospital Miguel Couto, na zona sul do Rio, mas não resistiu ao ferimento no pescoço e morreu. A Corregedoria da Polícia Militar e a Divisão de Homicídios da Polícia Civil vão investigar o caso. No mesmo dia e na mesma região, outras três pessoas foram baleadas, sendo dos policiais e um criminoso.

SENADO ARQUIVA NOVO PEDIDO DE CASSAÇÃO DE AÉCIO NEVES

   O presidente do Conselho de Ética do Senado, João Alberto Souza (PMDB-MA), arquivou, na terça-feira (24), o pedido de cassação do senador Aécio Neves (PSDB-MG). A representação havia sido feita pelo PT com base nas delações premiadas dos executivos da J&F. Segundo assessores de João Alberto, o parlamentar seguiu a recomendação da Advocacia Geral do Senado. A defesa de Aécio Neves divulgou nota em que reafirma a inocência do tucano nas acusações que alegavam que Aécio havia solicitado dinheiro em troca de benefícios aos executivos da controladora do frigorífico JBS. A decisão aconteceu uma semana após o próprio Senado reintegrar Neves, suspenso das atividades pela primeira turma do STF no fim de setembro. 

CÂMARA ARQUIVA SEGUNDA DENÚNCIA CONTRA TEMER

   Em votação aberta, no início da noite da quarta-feira (25), a Câmara dos Deputados arquivou a segunda denúncia, de organização criminosa e obstrução de Justiça, feita pela Procuradoria-Geral da República contra o presidente Michel Temer. A votação foi mais apertada que a primeira, realizada em agosto, e terminou com 251 votos a favor do arquivamento e 233 contra. O presidente havia sido denunciado junto com os ministros Eliseu Padinha, da Casa Civil, e Moreira Franco, da Secretaria-Geral da Presidência. A oposição tentou obstruir os trabalhos e o quórum mínimo de abertura da sessão só foi atingido após cerca de 7 horas. No mesmo dia, Temer foi hospitalizado, após se sentir mal, e liberado pouco antes da decisão.

COMANDANTE DA PM É MORTO EM ATAQUE NO RJ

   Luiz Gustavo de Lima Teixeira morreu após ser atacado a tiros, na quinta-feira (26), na região do Méier, na zona norte do Rio de Janeiro. Ele tinha 49 anos e era comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar do RJ. Ele e outro PM estavam em um carro descaracterizado quando foram alvos dos tiros. Luiz ainda foi socorrido por companheiros, mas morreu enquanto passava por cirurgia. O outro policial ficou ferido, mas conseguiu sobreviver. Com a morte, o número de policiais executados no estado chegou a 111 só em 2017. Comunidades do entorno foram fechadas para que os policiais fizessem buscas aos criminosos. Em nota, o governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, afirmou que não vai descansar enquanto não prender os culpados. No dia seguinte, o corpo do policial foi enterrado e um dos acusados foi reconhecido como Matheus do Espírito Santo Severiano, de 22 anos. 

GOVERNO LEILOA BLOCOS DO PRÉ-SAL

   O leilão de 8 blocos do pré-sal aconteceu na sexta-feira (27) e o resultado foi comemorado pelo Governo Federal. Dos blocos postos em questão, dois não tiveram lances, enquanto a Petrobras e consórcios estrangeiros arremataram seis. O acordo foi fechado em regime de partilha, nela, a vencedora do leilão se compromete a ceder um percentual para a União, no caso da Petrobras, que arrematou três blocos, foram oferecidos 80%. Os outros três blocos ficaram com a anglo-holandesa Shell e com a norueguesa Statoil. Enquanto Temer comemorou, analista afirmaram que o regime de partilha é menos vantajoso para o governo.

VICE-PRESIDENTE DA ESPANHA ASSUME COMANDO DA CATALUNHA

   Soraya Santamaría assumiu o comando da Catalunha, no sábado (28), um dia após o ex-presidente, Carles Puigdemont, ser destituído do cargo. Antes de sua vice assumir as rédeas, o primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, dissolveu o governo e o parlamento catalão, além de agendar novas eleições para dezembro. Todos os líderes foram afastados, inclusive o chefe da Polícia local, por não ter impedido o plebiscito que aprovou a separação da Espanha. Manifestantes a favor e contra a separação tomaram as ruas. Em pesquisa de opinião divulgada no mesmo dia, 46% da população afirmaram não se importar em continuar na Espanha, enquanto. Países condenaram a separação.

Fontes: Bol, G1, Estado de São Paulo, Uol.
Fotos: Maria Esperança Jimenez (Reprodução).

sábado, 21 de outubro de 2017

TOP SEVEN - Apontamento de Notícias (15 a 21 de Setembro)

INCÊNDIOS MATAM DEZENAS NA ESPANHA E PORTUGAL

   Centenas de focos de incêndio causaram a morte de 39 pessoas, sendo 36 em Portugal e 3 na Espanha, no domingo (15). Segundo as autoridades, boa parte dos incêndios são de origem criminosa. O tempo quente na região causou a propagação rápida das chamas. Em Portugal, os incêndios mais fortes ocorrem no centro e no norte do país, em uma região de vegetação densa. Bombeiros combateram sem sucesso o fogo entre domingo e segunda-feira. Na Espanha, foram detectados pelo menos 130 focos. No país a situação se tornou mais crítica por ter pelo menos 17 focos em regiões habitadas. Duas mulheres e um homem de 70 anos morreram. Escolas foram fechadas e 350 homens do Corpo de Bombeiros local trabalharam no combate às chamas.

NOVAS REGRAS SOBRE TRABALHO ESCRAVO COMEÇAM A VALER

   O Diário Oficial da União (DOU) publicou, na segunda-feira (16), a portaria que reduziu o conceito de trabalho escravo. O antigo pedido da bancada ruralista do Congresso Nacional foi criticado por órgãos de proteção ao trabalhador. Atualmente, para ser considerado "trabalho escravo" o deve estar enquadrado em quatro condições (Trabalho forçado, servidão por dívida, jornada exaustiva e condições degradantes). Pela nova determinação, Só será considerado como "condições degradantes" e "jornada exaustiva" se houver cerceamento de liberdade do funcionário. Segundo o Ministério do Trabalho, as novas normas vão de encontro a tendência mundial e aprimoram a legislação, dando segurança jurídica. No dia seguinte o Ministério Público Federal e o Ministério Público do Trabalho solicitaram a revogação da portaria. A Procuradoria-Geral da República solicitou a revogação da portaria na quinta-feira. Um dia depois, Michel Temer anunciou que haverá mudanças no texto.

SENADO REVOGA DECISÃO DO STF E DEVOLVE MANDATO A AÉCIO NEVES

   A sessão que terminou com a vitória do senador Aécio Neves teve início às 17h da terça-feira (17), no plenário do Senado, em Brasília (Foto). Conduzida pelo presidente da casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE), a votação foi aberta e terminou com 44 votos a favor do retorno de Aécio Neves (PMDB-MG) e 26 contra o fim das medidas cautelares impostas pela primeira turma do STF no final de setembro. Aécio estava proibido de frequentar o Senado e de sair de casa no período noturno. Na semana passada, atendendo a um pedido da defesa do tucano, os 11 ministros deliberaram sobre a necessidade do próprio plenário do Senado determinar se o senador cumpriria ou não as medidas. Na ocasião, 6 foram a favor que o legislativo decidisse e 5 contra. Com a decisão do Senado, Aécio foi autorizado e retomar o mandato. Ele havia sido denunciado pela Procuradoria-Geral da República por corrupção passiva, ao pedir R$ 2 milhões a JBS em troca de favores, e obstrução de justiça. A denúncia tinha como base uma gravação entre o tucano e Joesley Batista.

CCJ APROVA RELATÓRIO CONTRA DENÚNCIA DE TEMER

   Por 39 votos a 26, o Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados aprovou, na quarta-feira (18), o relatório que rejeita a segunda denúncia contra o presidente Michel Temer, feita pelo ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O presidente foi acusado de organização criminosa e obstrução de Justiça, enquanto os ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco foram denunciados pelo crime de organização criminosa. Antes da votação, a comissão, que conta com 66 membros, discutiu o parecer final. O relatório de Bonifácio Andrada (PSDB-MG) segue para o plenário da Câmara, onde deve ser votado na próxima terça-feira. Para que a denúncia avance, 342 deputados devem rejeitar o parecer de Andrada no plenário. Caso o contrário, a acusação é arquivada. Durante a semana, o governo começou a exonerar ministros para ajudarem na votação, além de prometer benefícios a quem ajudar o presidente.

JUSTIÇA DESBLOQUEIA PARTE DOS BENS DOS IRMÃOS BATISTA

   A decisão de desbloquear parte do patrimônio dos irmãos Wesley e Joesley Batista, na quinta-feira (19), foi do desembargador federal Olindo Menezes, do Tribunal Regional federal da 1ª Região, de Brasília. Quando assinaram o acordo de Delação Premiada, os sócios da J&F, controladora da JBS, tiveram R$ 60 milhões bloqueados pela Justiça. No dia 6 de outubro, o juiz Ricardo Leite, da 10ª Vara Federal do Distrito Federal ampliou o valor bloqueado em contas e fundos de investimento, além de ativos em instituições financeiras. Essa ampliação do bloqueio, a pedido da Polícia Federal, foi revogada, mas o valor inicial continua bloqueado. A defesa dos irmãos havia solicitado o desbloqueio afirmando que a ação paralisava o funcionamento de um grupo que gera mais de 200 mil empregos.

TIROTEIO DENTRO DE ESCOLA MATA DOIS EM GO

   Um jovem de 14 anos abriu fogo dentro da escola Goyases, localizado no Conjunto Rivieira, no leste de Goiânia, em Goiás, na sexta-feira (20). O aluno do 8º ano do ensino fundamental acabou causando a morte de dois estudantes, um de 11 e outro de 13 anos. Em seguida, ele foi levado a delegacia. Outros quatro alunos da escola, que oferece ensino infantil e fundamental, ficaram feridos e foram levados para hospitais da região. Segundo as primeiras informações, o garoto seria filho de um major da Polícia Militar do estado. A Polícia investiga um possível caso de bullying, já que testemunhas afirmaram que o garoto era vítima de comentários dos colegas, que o chamavam de "fedorento" e "fedido". Os agentes investigarão também como o estudante conseguiu a arma e como entrou na escola com ela. Os primeiros corpos foram enterrados no sábado, enquanto a Justiça determinou a internação do autor do ataque.

OPERADOR DE EX-GOVERNADOR DEIXA A PRISÃO NO RJ

   Na companhia de dois advogados, o agente fazendário Ary Filho deixou a prisão na manhã do sábado (21), no Rio de Janeiro. Um dia antes, ele havia sido condenado a 9 anos de prisão pelo juiz Marcelo Bretas. A condenação por lavagem de dinheiro no processo da operação "Mascate", e uma nova denúncia de lavagem de dinheiro, não impediram que Bretas concedesse a Ary o benefício de recorrer da sentença em liberdade. Ary Filho é apontado como operador do esquema de corrupção instalado no Rio de Janeiro pelo ex-governador Sérgio Cabral, preso desde o final de 2016. O esquema, que ocorria dentro da Secretaria Estadual de Fazenda, desviou R$ 3,8 milhões dos cofres públicos. No mesmo processo, também foram condenados o operador Carlos Miranda, a 12 anos de prisão, e Sérgio Cabral, a 3. A defesa de Ary, que estava preso desde fevereiro, afirmou que irá solicitar a redução da pena. 

Fontes: Veja, Uol, Estado de São Paulo, G1, Ig.
Fotos: Placar da Votação no Senado (Ailton de Freitas / Agência O Globo).

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

A ONDA DO BRASIL É O BRASILEIRO

   E vamos pra mais uma edição do "A Onda do Brasil é o Brasileiro". Neste mês, vamos destacar uma notícia publicada no site "G1". Um ataque inusitado de um cachorro, criado dentro de um presídio, terminou com a morte de um gato que havia sido utilizado para levar celulares e drogas para dentro da instituição, que fica na cidade de Cajazeiras, na Paraíba. O felino tinha os aparelhos colados no corpo por uma fita adesiva.


   O resultado da notícia, claro, foi uma enxurrada de brincadeiras e gozações sobre o fato. Muitos dos comentários "hilários", porém, tinham pitadas de críticas a situação social negativa que o Brasil tem vivido com relação a criminalidade. Confira abaixo alguns dos comentários deixados na página da matéria:





Fotos: Reprodução / Site "G1"

sábado, 14 de outubro de 2017

TOP SEVEN - Apontamento de Notícias (8 a 14 de Outubro)

ESPANHA PROTESTA CONTRA INDEPENDÊNCIA DA CATALUNHA

   O centro de Barcelona foi o local onde milhares de espanhóis se concentraram, no domingo (7), a pedido da entidade Sociedade Civil Catalã, para protestar contra a votação que pedia a separação da Catalunha do resto do país. O ato foi marcado por discurso do escritor Mario Vargas Llosa, que criticou a separação, afirmando que a "conjura independentista não destruirá 500 anos de história". Segundo a organização da Sociedade Civil catalã, cerca de 950 mil pessoas participaram da manifestação e pediram para que Carles Puigdemont (Foto), presidente do governo regional da Catalunha, não decretasse a independência, o que ocorreu no dia 10 de outubro, quando Carles anunciou que iniciou o processo constituinte.

MULHER É MORTA DENTRO DE VIATURA EM MG

   Laís Andrade Fonseca, de 30 anos, foi morta, na segunda-feira (8), enquanto era conduzida junto com o ex-marido, Valdeir Ribeiro de Jesus, de 34, para a Delegacia de Teófilo Ottoni, em Minas Gerais. Ela havia acusado ele de instalar câmeras no banheiro de casa. No trajeto de 100 quilômetros entre a cidade de Pavão, onde moravam, e a delegacia, Valdeir, que portava uma faca, desferiu um golpe no pescoço de Laís. Em seguida, tentou se matar, cortando o próprio pescoço e saltando da viatura. A mulher não resistiu aos ferimentos e morreu, enquanto ele foi capturado e socorrido. Segundo os policiais que fizeram a ocorrência, o casal dormiu durante todo o trajeto e foram surpreendidos com o ataque. A mulher, que tinha medo que o ex-marido divulgasse imagens íntimas dela, deixou um filho de 8 anos. Os policiais foram autuados por homicídio culposo (Sem intenção) e negligência e omissão.

DEPUTADO ENTREGA RELATÓRIO DE SEGUNDA DENÚNCIA CONTRA TEMER

   Bonifácio de Andrada (PMDB-MG) apresentou o parecer referente a segunda denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o presidente Michel Temer na terça-feira (9). Em seu relatório, o deputado federal pede o arquivamento da denúncia de formação de quadrilha e obstrução de justiça, feita pelo ex-procurador-geral, Rodrigo Janot. Andrada afirma no documento que Janot ataca homens públicos do país sem distinção. O relatório deve ser votado na Comissão de Constituição e Justiça no dia 17. Após essa fase, o relatório segue para votação no plenário da Câmara. Para que a investigação seja aberta pelo STF, 342 deputados terão que dar o aval. Caso contrário, a nova denúncia será arquivada até o fim do mandato de Temer, em janeiro de 2019.

STF DECIDE QUE LEGISLATIVO DECIDA SOBRE MEDIDAS CAUTELARES 

   Na sessão que durou cerca de 12 horas, na quarta-feira (10), o Supremo Tribunal Federal decidiu que as casas legislativas (Câmara e Senado) podem decidir se aplicam ou não as medidas cautelares impostas pelo judiciário. No total, foram seis votos favoráveis a autonomia dos poderes e cinco contra. O assunto entrou na pauta após o senador Aécio Neves (PMDB-MG) ter sido afastado das funções pela primeira turma do STF, composto por 5 dos 11 juízes da turma principal, no fim de setembro. Além de se afastar do Senado, Aécio não pode sair de casa durante a noite. Com a decisão do Supremo, os senadores devem decidir o futuro do tucano no dia 17. A votação poderá acontecer de forma secreta ou nominal, está última imposta pela Justiça em liminar emitida na sexta-feira.

HOMEM ATACA FAMÍLIA DE EX NO LITORAL SUL DE PE

   Era noite da quinta-feira (12), quando Paulo Roberto Correia da Silva, de 30 anos, invadiu a casa da ex-namorada, Paula Maria Alencar Régis, de 20, e abriu fogo contra a família de jovem. Segundo a Polícia, Paulo, que era fotógrafo, havia deixado a esposa para namorar com Paula, que também era fotógrafa. Um tempo depois, ela pediu a separação e ele não aceitou. O homem entrou no condomínio da ex-namorada, na praia de Serrambi, no litoral sul de Pernambuco, e atirou duas vezes contra ela. Ele ainda matou o pai de Paula, Ênio Régis, de 58 anos, e feriu a mãe da jovem, identificada como Suzana. Ela foi socorrida e sobreviveu. Após o crime, o fotógrafo atirou contra a própria cabeça. Os corpos foram encontrados na cozinha da casa. A Polícia aguarda o depoimento de Suzana para concluir o inquérito policial.

HOMEM E DUAS CRIANÇAS MORREM EM ACIDENTE EM SP

   Um grave acidente, na madrugada da sexta-feira (13), deixou um homem de 33 anos e duas crianças de 9, sendo um menino e uma menina gêmeos, mortas no quilômetro 70 da Rodovia dos Bandeirantes, em Jundiaí, interior de São Paulo. No momento do acidente, o velocímetro do carro travou e marcava a velocidade de 180 km/h. O carro se chocou com a traseira de uma carreta e os três ocupantes morreram na hora. O motorista do veículo atingido foi atendido, mas não se feriu. O trecho da rodovia foi interditado por algumas horas para o resgate dos corpos, que foram enviados para o Instituto Médico Legal de Jundiaí.

ITÁLIA NEGA PRISÃO PERPÉTUA SE BATTISTI FOR EXTRADITADO

   Em declaração ao diário "Il Giornale", no sábado (14), Cosimo Ferri, sub-secretário do Ministério da Justiça da Itália confirmou que o Cesare Battisti (Foto) não cumprirá a pena de prisão perpétua, a qual foi condenado pelas mortes de quatro pessoas, se for restituído às autoridades italianas pelo governo brasileiro.  Ele afirmou que um dos acordos bilaterais entre os dois países, que trata do cumprimento de pena de um extraditado, será respeitado. Pelo acordo, o extraditado não pode cumprir mais que o tempo máximo de prisão estipulado pelo país que o expulsar, no caso do Brasil, 30 anos. Antes de chegar ao Brasil, Battisti passou por França e México. No Brasil, foi autorizado a ficar no país pelo ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, no seu segundo mandato. Proibido de sair do país, Battisti foi detido, na semana anterior, tentando entrar na Bolívia com R$ 23 mil em moeda estrangeira. Segundo ele, o dinheiro era dele e de dois amigos.

Fontes: El País, G1, Tv Jornal, Estado de São Paulo.
Fotos: Carles Puigdemont (Lluis Gene / AFP / Getty); Cesare Battisti (BBCBrasil.com).

sábado, 7 de outubro de 2017

TOP SEVEN - Apontamento de Notícias (1 a 7 de Outubro)

CATALUNHA FAZ REFERENTE POR SEPARAÇÃO DA ESPANHA

   Considerada a região mais rica da Espanha, a cidade da Catalunha realizou um plebiscito para decidir sobre a separação do país e se tornar um estado independente. A votação ocorreu a revelia do estado central, que recorreu a Justiça para impedir a consulta no domingo (1). 90% dos 2,2 milhões de eleitores aptos a votar compareceram as urnas. Destes, 42% foi favorável a separação. Durante todo o dia, houve confrontos entre pessoas que participaram do referendo e a Guarda Civil, designada por Madri para fechar os pontos de votação. Ao final do dia, cerca de 900 pessoas foram ficaram feridas e urnas não puderam ser apuradas por terem sido confiscadas, excluindo cerca de 700 mil votos da contagem oficial. O resultado foi levado ao parlamento catalão, mas esbarra no não reconhecimento da própria Espanha e da União Europeia.

NOVO MASSACRE MATA MAIS DE CINQUENTA NOS EUA

   Um evento de música country terminou de forma trágica em Las Vegas, no Estado Unidos. A tragédia começou quando Stephen Paddock, de 64 anos, abriu fogo contra a multidão de 40 mil pessoas do 32º andar do hotel Mandalay by Resort e Cassino, onde havia se hospedado desde o dia 28 de setembro. Após o massacre, que em números atualizados chegam a 59 mortos e mais de 500 feridos, o contador aposentado se matou. No quarto do hotel, a Polícia encontrou 23 armas de fogo semiautomáticas. Após a identificação de Paddock, autoridades foram a sua casa, onde encontraram um arsenal, além de explosivos. O grupo "Estado Islâmico" chegou a reivindicar a autoria do atentado, mas autoridade norte-americanas negaram qualquer ligação.  

STF REJEITA PEDIDO DE AÉCIO E O MANTÉM AFASTADO DO SENADO

   O ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin, negou o pedido do senador Aécio Neves (PMDB-MG) de suspender seu afastamento do Senado, na terça-feira (3). O mandado de segurança conta a decisão havia partido da defesa do tucano, afastado das funções pela primeira turma da corte, composta por 5 dos 11 ministros do STF, em 26 de setembro. Além do afastamento, Aécio deve ficar recolhido em sua casa durante a noite. Paralelamente, o caso de Aécio foi levado ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE) e ele determinou que a questão fosse analisada no plenário. Segundo o regimento da casa, o Senado é quem deve decidir sobre o afastamento dos seus componentes. No mesmo dia, a presidente do STF negou pedido de Neves para mudar o relator do seu caso na corte e manteve Fachin a frente da questão. O pedido da defesa deve ser analisado pelo STF no dia 11. No Senado, ainda não há data para a analise.

CÂMARA APROVA "FUNDÃO" PÚBLICO PARA BANCAR CAMPANHAS

   O projeto de lei que cria o fundo público de financiamento de campanhas eleitorais, do senador Romero Jucá (PMDB-RR), foi aprovado na noite da quarta-feira (4), pela Câmara dos Deputados. A votação foi feita por meio de painel eletrônico e não nominal, como queiram os contrários a criação do "Fundão". O texto-base foi aprovado da forma que saiu do Senado e agora segue para sanção presidencial. Em votações simbólicas, os parlamentares rejeitaram destaques que mudassem o o projeto. O "Fundão" terá recursos oriundos da compensação de recursos pagos à emissoras de rádio e TV por propaganda partidária em ano eleitoral, por multas aplicadas a partidos políticos pela Justiça Eleitoral e por 30% das emendas impositivas de bancadas. O Fundo já poderá ser utilizado nas eleições de 2018.

HOMEM INCENDEIA CRECHE E MATA SETE EM MG

   Damião Soares dos Santos, de 50 anos ateou fogo no Centro Municipal de Educação Infantil Gente Grande, de Janaúba, no norte de Minas Gerais, e causou a morte de uma professora e cinco crianças. O crime aconteceu na manhã da quinta-feira (5), quando o segurança foi entregar um atestado médico. Ele ateou fogo ao próprio corpo e foi internado em estado grave. A professora Heley de Abreu Silva Batista e quatro crianças entre 4 e 5 anos morreram. 40 pessoas deram entrada no Hospital Regional de Janaúba, sendo 20 com queimaduras e 14 delas com mais de 20% dos corpos queimados. Damião, que ficou sob custódia policial, morreu na tarde do mesmo dia. O número de mortos aumentou para 7, com a morte de uma criança e de uma professora.

COI SUSPENDE NUZMAN APÓS PRISÃO

   Um dia após a prisão do presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Carlos Arthur Nuzman, o Comitê Olímpico Internacional anunciou na sexta-feira (6), através do site oficial, a suspensão temporária dele e do COB da Associação de Comitês Nacionais. Ele também foi retirado da Coordenação da comissão dos jogos olímpicos de Tóquio, em 2020. Com a decisão, todos os pagamentos do COI ao COB estão congelados. O órgão máximo do esporte mundial afirmou, porém, que a decisão não afetará os atletas. Nuzman foi detido pela Polícia Federal em operação que investiga a compra de votos que escolheram o Rio como sede dos jogos olímpicos de 2016.

TRAFICANTES PROMOVEM NOVO TIROTEIO EM COMUNIDADE NO RJ

   Moradores da Comunidade Morro do Macaco, na zona norte do Rio de Janeiro, amanheceram com tiroteio no sábado (7). Inicialmente, se falou num confronto entre traficantes da região e rivais do Morro de São Carlos. A informação foi desmentida pela Polícia, que afirmou que a comunidade estava cercada, impossibilitando a entrada ou saída de bandidos. A troca de tiros não registrou nenhum morto ou ferido. A Polícia havia feito uma operação para cumprir 31 mandados de prisão e outros mandados de busca e apreensão dentro do Plano Nacional de Segurança do Rio. Segundo a Polícia, foram os traficantes do Morro do Macaco que invadiram a Favela da Rocinha no dia 17 de setembro. 

Fontes: BBC Brasil, Uol, G1, Ig.

sábado, 30 de setembro de 2017

TOP SEVEN - Apontamento de Notícias (24 a 30 de Setembro)

ALEMANHA VAI ÀS URNAS PARA ESCOLHER PRESIDENTE

   Maior potência econômica da Europa, a Alemanha escolheu, no domingo (24), os novos integrantes do parlamento. O partido com maioria escolhe o presidente. O partido de Angela Merkel (Foto), União democrata Cristã (CDU), disputou a eleição em busca do quarto mandato para a atual chanceler. Cerca de 60 milhões de eleitores, acima de 18 anos, foram convocados às urnas. Na Alemanha, o voto não é obrigatório. As urnas foram abertas às 8h, no horário local, e fechadas às 19h. O partido de Merkel, de 62 anos, tem o favoritismo desde as primeiras pesquisas. A nova legislatura tem início 30 dias após a eleição. A vitória de Merkel se concretizou após a apuração. O novo mandato da atual presidente vai até 2021.

GOVERNO ANUNCIA QUE MANTERÁ "HORÁRIO DE VERÃO"


   O Ministério de Minas e Energia anunciou, na manhã da segunda-feira (25), que o "horário de verão" será mantido e começa no dia 15 de outubro. Nos últimos dias, meios de comunicação informaram que o governo estava estudando a extinção do mecanismo utilizado desde 1985 para economizar energia, aproveitando o período de sol que compreende a primavera e o verão. A decisão de manter o "Horário" saiu de uma reunião entre o presidente Michel Temer e sua equipe no Palácio do Jaburu. O governo havia utilizado um estudo do Operador Nacional do Sistema Elétrico, que concluiu que a economia de energia no período era quase neutra. As regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste deverão adiantar os relógios em 1 hora. O período se encerrará em fevereiro de 2018.

PALOCCI PEDE DESFILIAÇÃO DO PT E ATACA LULA

   Um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores, o ex-ministro Antônio Palocci pediu desfiliação na terça-feira (26). Através de uma carta endereçada a presidente do partido, Gleisi Hoffmann, Palocci afirmou que não pretendia ficar num partido em que quem fala a verdade e punido e os erros são varridos para debaixo do tapete. O PT aceitou o desligamento na noite do mesmo dia. Ele já tinha um processo no conselho de ética do partido, que fica no diretório municipal de Ribeirão Preto. O relacionamento estava estremecido entre as partes desde o depoimento de Palocci ao juiz Sérgio Moro, em abril. Nele, o ex-ministro e amigo de Lula afirmou que o ex-presidente fez um "pacto de sangue" com a Odebrecht e que as propinas eram cobradas com naturalidade durante o mandato de presidente. 

GOVERNO LEILOA HIDRELÉTRICAS E FATURA R$ 12 BILHÕES

   O leilão de quatro hidrelétricas federais, na manhã da quarta-feira (27), rendeu aos cofres públicos R$ 12,13 bilhões. O valor foi 9,73% mais alto do que o aguardado pelo Governo de Michel Temer. Todas as hidrelétricas, que juntas produzem 2.922 MegaWatts de energia, são operadas pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e estão localizadas nas cidades de Volta Grande, São Simão, Miranda e Jaguara. Elas, porém, estão com as concessões vencidas. Com a venda das concessões, o governo bateu a meta de R$ 159 bilhões de déficit. A concessão de São Simão, a mais cara, ficou com o grupo chinês State Power, que pagou R$ 7,18 bilhões, 6,51% mais que o valor do lance inicial. Em uma rede social, Michel Temer comemorou o negócio.

PESQUISA DATAFOLHA: SÓ 3% APROVAM GOVERNO TEMER

   A mais recente pesquisa de avaliação do governo de Michel Temer foi divulgado, na quinta-feira (28), pelo Instituto Datafolha. O novo levantamento foi pedido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e ouviu 2 mil pessoas em 126 municípios entre os dias 15 e 20 de setembro. Para 3% dos ouvidos, o governo é bom ou ótimo. 16% acham o governo regular, enquanto 77% acham ruim ou péssimo. Os que não souberam responder somaram 3%. Temer teve o maior desempenho "ruim ou péssimo" desde a série histórica da pesquisa, que começou a ser feita em 1986. A terceira pesquisa encomendada pela CNI também questionou a confiança dos ouvidos no presidente: 6% afirmaram confira, 92% não confiam e 2% não responderam.

IBGE: TAXA DE DESEMPREGO CONTINUA CAINDO

   O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas, o IBGE, divulgou dados da Pnad Contínua, na sexta-feira (29). Segundo os novos números, a taxa de desemprego foi de 12,6%, o que representa que 13,1 milhões de brasileiros estavam sem ocupação formal em agosto de 2017, uma queda de 4,8% na comparação com o trimestre finalizado em maio. Foi a quinta vez seguida que a Pnad apresentou a taxa em queda, na pesquisa anterior havia sido 12,8%. O número de brasileiros trabalhando se elevou com a contratação no serviço público e com o aumento do trabalho informal. 1,4 milhão de pessoas a mais estavam ocupadas ao final de agosto, em comparação com maio. Na comparação com o mesmo período de 2016, o aumento no número de empregos foi de 1 milhão de pessoas.

MOTORISTA EMBRIAGADA MATA TRÊS EM SP

   A estudante Talita Sayuri Tamashiro, de 28 anos, perdeu o controle do carro e atropelou três pessoas em um canteiro da Marginal Tietê, na zona oeste de São Paulo. Ela voltava de uma festa e, ao falar no celular, perdeu o controle e atingiu o veículo BMW. As três pessoas estavam fora do veículo no momento do acidente e não houve chance para socorro. Ao ser submetida ao teste de alcoolemia, o equipamento de bafômetro registrou 0,48 mg de álcool por litro de sangue no organismo, maior do que a taxa máxima permitida,q ue é de 0,36. Talita foi autuada por homicídio doloso (Quando se assume o risco de matar) e embriaguez ao volante. A jovem foi levada para a 91º Delegacia de Polícia da capital.

Fontes: G1, Uol.
Fotos: Angela Merkel (AFP).

terça-feira, 26 de setembro de 2017

LOBÃO LANÇA LIVRO NO RECIFE

    Cantor, compositor e músico, João Luiz Woerdenbag Filho, o Lobão, também se aventura pela literatura. Em seu mais recente livro, "Guia Politicamente Incorreto dos Anos 80 pelo Rock", o artista conta estórias da década que foi marcada pela produção do gênero no Brasil. Entre passagens mencionadas na obra, estão os artistas, as canções, o cenário político brasileiro na época, entre outras aventuras. 

   Conhecido pelo sarcasmo e bom humor, Lobão fez um livro para fãs da época que, ao mesmo tempo em que funciona como um baú de memórias, também levanta questionamentos sobre o legado deixado pelo movimento 30 anos depois da explosão de bandas brasileiras, como Capital Inicial, Titãs e artistas solos, como Lulu Santos e ele próprio. 

   O lançamento no Recife acontece no dia 3 de outubro, a partir das 19h, no Teatro Eva Herz, que fica na Livraria Cultura do Shopping RioMar, no bairro do Pina, na zona sul da cidade. Antes da sessão de autógrafos, o cantor fará um bate-papo com fãs, em que contará um pouco da história do livro. Para ter acesso ao evento, o participante poderá adquirir a obra e retirar o ingresso no próprio estabelecimento.

   "Guia Politicamente Incorreto dos Anos 80 pelo Rock" é um lançamento da editora Leya e tem custo médio de R$ 50.

Foto: Divulgação / Leya

sábado, 23 de setembro de 2017

TOP SEVEN - Apontamento de Notícias (17 a 23 de Setembro)

TIROTEIO ENTRE TRAFICANTES PARA ROCINHA

   Uma intensa troca de tiros entre traficantes de facções rivais da favela da Rocinha, na manhã do domingo (17), deixou mortos e feridos no Rio de Janeiro. Tudo começou quando um grupo estimado em 100 homens, de outras comunidades, invadiram a Rocinha. Houve trocas de tiros e pelos menos três traficantes morreram. Outras três pessoas ficaram feridas e foram levadas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e depois transferidas para o Hospital Miguel Couto. O confronto paralisou a comunidade, e duas estações de metrô da região foram fechadas temporariamente. Uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) foi atacada na ação. No dia seguinte, uma operação para prender suspeitos dos tiroteios terminou com 1 morto e três presos. Após novos episódios de tiroteios, ao longo da semana, o Ministério da Defesa autorizou o cerco do Exército à Favela da Rocinha.

CASO ALEXANDRE FARIAS: POLÍCIA APRESENTA RETRATOS FALADOS

   A Polícia Civil de Pernambuco realizou entrevista coletiva, na manhã da segunda-feira (18), em que apresentou os retratos falados de dois suspeitos no tiroteio que terminou com o jornalista Alexandre Farias (Foto) gravemente ferido. Segundo testemunhas, cinco homens participaram do assalto, apenas dois foram reconhecidos. O crime aconteceu na noite do dia 16,  no Alto do Moura, quando bandidos trocaram tiros com a Polícia e um dos projeteis atingiu a cabeça do jornalista da Tv Asa Branca, afiliada da Rede Globo em Caruaru. Ele foi socorrido e passou por cirurgia. Os médicos não conseguiram extrair a bala, que ficou alojada no cérebro. O delegado Joselito Amaral, da PC, assumiu as investigações do caso. Os cinco suspeitos foram presos entre a segunda e terça-feira. O quadro clínico do apresentador teve melhora no decorrer da semana.

MÉXICO REVIVE TERROR DE TERREMOTO 32 ANOS DEPOIS

   A cidade do México foi atingida por um forte terremoto, na tarde da terça-feira (19), que destruiu cerca de 50 edifícios. O sismo de magnitude 7.1 deixou, até o momento, mais de 280 mortos e milhares de feridos e aconteceu duas semanas após um terremoto destruir o sul do país e matar mais de 100 pessoas. Desde o primeiro momento após o terremoto, equipes de salvamento se revezaram por buscas a sobreviventes, desaparecidos e corpos. O presidente Enrique Peña Nieto sobrevoava a região atingida pelo mais recente terremoto quando soube da tragédia. O México viveu há 32 anos, na mesma data, um terremoto que deixou mais de 10 mil mortos. Os Estados Unidos se colocaram a disposição para ajudar o México.

STF AUTORIZA ENVIO DE DENÚNCIA CONTRA TEMER A CÂMARA

   O Supremo Tribunal Federal votou, na quarta-feira (20), a autorização de envio da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer, feito pela Procuradoria-Geral da República, para a Câmara dos Deputados. Foram cinco horas da sessão, antes da interrupção, em que oito ministros votaram. O relator do caso na corte, Edson Fachin, votou a favor do envio, sendo seguido por outros seis magistrados: Alexandre de Moraes, Ricardo Lewandovski, Rosa Weber, Luiz Fux, Luís Roberto Barros e Dias Toffoli. No primeiro dia, apenas Gilmar Mendes votou pela devolução da denúncia a PGR, que foi um pedido da defesa de Temer. Na quinta-feira, Marco Aurélio, Celso de Mello e a presidente do STF, Carmen Lúcia, encerraram o julgamento acompanhando Fachin. A votação foi encerrada com o placar de 10 a 1 a favor do envio. A denúncia chegou a Câmara no mesmo dia. Dessa forma, a nova denúncia passará pelos mesmos trâmites da primeira, arquivada em votação no plenário da Câmara. 

CONSELHO DE PSICOLOGIA ENTRA COM RECURSO CONTRA "CURA GAY"

   O recurso contra a decisão do juiz federal Waldemar Cláudio de Carvalho, que autorizou profissionais oferecerem tratamentos de reversão sexual foi aberto, na quinta-feira (21), pelo Conselho Federal de Psicologia. A decisão, em caráter liminar, havia sido dada após o juiz acatar o pedido de um grupo de psicólogos, que acreditam ser possível a "Cura Gay" e abriram a ação. O assunto ganhou repercussão em todo o país e deixou a população dividida entre os que apoiaram a decisão e os que contestaram. Em nota, o Conselho afirmou que a decisão viola os direitos humanos e não tem nenhum embasamento científico. A homossexualidade deixou de ser considerada doença em 1990 pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Após a repercussão, Carvalho afirmou que foi mal interpretado e que nunca considerou a condição uma doença.

MÉDICO CONDENADO É ENCONTRADO MORTO EM SP

   Farah Jorge Farah (Foto), de 68 anos, foi encontrado morto em sua casa, na manhã da sexta-feira (22), em São Paulo. O corpo foi encontrado horas antes do médico ser preso. Ele havia sido condenado há 16 anos de prisão (Reduzida para 14 anos e 8 meses após apelação) pela morte da ex-amante que ele assassinou e esquartejou dentro do seu consultório, jogando em seguida as partes em sacos de lixo. O crime aconteceu em 2003, mas o último recurso após a condenação só foi julgado no dia anterior, quando a sexta turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) acolheu o pedido do Ministério Público de São Paulo e autorizou o cumprimento imediato da pena pelo ex-médico. Segundo os primeiros exames, Farah cortou a veia femoral (localizada na virilha), o que ocasionou a morte. Um fato curioso, o ex-médico vestia roupas femininas no momento do suicídio.

CANTOR CHARLES BRADLEY MORRE NOS EUA

   O cantor norte-americano não resistiu a complicações de um câncer e morreu, aos 68 anos, nos Estados Unidos, no sábado (23). Ele já havia sido curado no primeiro tratamento e retornou aos palcos no início desse ano, porém, a doença retornou e atingiu o fígado. Charles Bradley (Foto) faria uma apresentação no palco "Sunset", do Rock in Rio, mas teve que cancelar a apresentação para retomar o tratamento. Ele também se apresentaria em São Paulo. Bradley teve uma infância pobre e começou a carreira artística tarde. Seu primeiro disco saiu em 2011, intitulado "No Time for Dreaming".

Fontes: Folha de São Paulo, G1, Uol, Ig.
Fotos: Alexandre Farias (Extraída do site "Folha de Caruaru"); Farah Jorge Farah (Helvio Romero / Estadão Conteúdo); Charles Bradley (Reprodução / Facebook).